Fluminense arranca empate do Cruzeiro no último minuto e sobrevive na Copa do Brasil

26


FOTO: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.CFluminense x Cruzeiro empataram por 1 x 1

Fluminense x Cruzeiro empataram por 1 x 1, na noite desta quarta-feira (15), no Maracanã, pela partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. O Tricolor consegui arrancar a igualdade nos minutos finais, após uma bela atuação.

O Fluminense comandou o jogo no estilo que Fernando Diniz gosta. O Tricolor teve cerca e 70% de posse de bola, mas não conseguiu marcar. Gilberto era a principal válvula de escape do ataque, já que Ganso estava em noite não tão inspirada.  O Cruzeiro pouco fez e não conseguiu acertar o gol do goleiro Rodolfo uma vez sequer no primeiro tempo.

Já na metade final da partida, o time comandado por Mano Menezes conseguiu aproveitar um erro defensivo do Flu e abriu o placar, aos 12 minutos, com Pedro Rocha. Os cariocas ainda tiveram um gol anulado. Luciano estava impedido, antes de marcar.

O Flu apertava cade vez mais e se aproximava do gol. Até que a rede balanço aos 48 minutos. João Pedro aproveitou desviou de Matheus Ferraz e empatou a partida.

O gol acabou deixando a partida mais aberta. Luciano chegou a marcar, mas teve o lance anulado pelo árbitro, que assinalou impedimento. Atrás do placar, Fernando Diniz colocou o Fluminense ainda mais no setor ofensivo, mas também deixou a defesa exposta para o contra-ataque.

Fluminense e Cruzeiro voltam a se enfrentar já no sábado, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo está marcado para às 18h, novamente no Maracanã.

Com o resultado, a decisão fica para 5 de junho, às 19h15, no Mineirão. Um novo empate leva o duelo para os pênaltis. Quem vencer, avança para a próxima fase. O adversário sairá de um novo sorteio, a ser realizado pela CBF.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 1 X 1 CRUZEIRO

FLUMINENSE – Rodolfo; Gilberto, Nino, Matheus Ferraz e Caio Henrique; Allan, Daniel (Ewandro), Léo Artur (Marcos Paulo) e Ganso; Luciano (João Pedro) e Yony González. Técnico: Fernando Diniz.

CRUZEIRO – Fábio; Orejuela, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Romero, Robinho e Rodriguinho (Jadson); Pedro Rocha (David) e Fred (Sassá). Técnico: Mano Menezes.

GOLS – Pedro Rocha, aos 12, e João Pedro, aos 48 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Luiz Flavio de Oliveira (SP)

CARTÕES AMARELOS – Nino e Ganso (Fluminense); Lucas Romero e Rodriguinho (Cruzeiro)

RENDA – R$ 398.635,00

PÚBLICO – 15.912 pagantes

LOCAL – Maracanã, no Rio (RJ).

*Com informações do Estadão Conteúdo



Fonte: Jovem Pan

Autor: Jovem Pan

Facebook Comments