Fórmula E volta hoje com a primeira das seis corridas em nove dias

9

Na quarta-feira à tarde, a Fórmula E retorna à ação em Berlim. E sim, você leu certo – correndo na quarta-feira. A série de corridas elétricas começou sua sexta temporada na Arábia Saudita em novembro e conseguiu realizar um total de cinco corridas (de um total planejado de 14) antes que o COVID-19 aparecesse e encerrasse tudo. Os planos provisórios pediram um retorno às corridas em julho na cidade de Nova York, mas com a pandemia fora de controle nos EUA, que acabou por ser um não iniciante.

Em vez disso, a série ficou criativa. Em vez de continuar a atravessar o mundo, com todos os riscos associados, mudou-se para a Alemanha, um país onde as medidas de saúde pública têm trabalhado amplamente para controlar infecções virais. Por isso, encerrará a temporada com mais seis corridas, realizadas nos próximos nove dias, todas realizadas no Aeroporto Tempelhof, em Berlim.

Para tornar as coisas mais interessantes, a série usará três layouts de faixas diferentes em Berlim. Para o primeiro par de corridas, que acontece na quarta e quinta-feira (5 e 6 de agosto), os carros usarão uma versão invertida da pista de 10 voltas e 2,35 milhas (2,35 km) usada nos anos anteriores. O segundo par de corridas, que será realizado nos dias 8 e 9 de agosto, usará o layout tradicional de Berlim, nos mesmos 10 turnos e 2,4 quilômetros, mas corre no sentido anti-horário, como no ano passado. E para as duas últimas corridas, que acontecem nos dias 12 e 13 de agosto, há um novo layout de 16 voltas e 2,5 milhas (2,5 km) para enfrentar.

Atualmente, Antonio Felix da Costa, do DS Techeetah, lidera o campeonato com 67 pontos. Mas é um pacote bastante apertado atrás dele, e o cronograma compactado e a necessidade de remover as teias de aranha que se acumularam nos últimos meses de hiato desde a corrida marroquina em fevereiro significam que há toda chance de uma perturbação na classificação dos pontos. Particularmente desde que os primeiros 21 carros conseguiram dobrar um pouco mais de um segundo na qualificação na quarta-feira de manhã.

Dito isto, da Costa fez uma volta empolgante de 1: 06.799 minutos durante a sessão do Super Pole (para os seis carros mais rápidos), batendo seu companheiro de equipe e campeão da dupla série Jean-Eric Vergne por mais de três décimos de segundo. "Na primeira vez em que voltei a dirigir, senti-me um pouco fora de sincronia, mas depois de algumas voltas tudo voltou naturalmente. A partir de então, começamos a pisar no pé e continuamos nosso trabalho. Essa equipe é incrível , e eles farão o que for preciso a qualquer hora para vencer. O resultado é claro, com os dois a se classificarem para a equipe ", disse da Costa após a sessão.

A primeira dessas seis corridas acontece às 13h EDT na quarta-feira e nos EUA você pode assistir ao vivo no Fox Sports 2 e Fox Sports Racing, ou atrasado às 19h EDT no Fox Sports 1. Fora dos EUA, também está sendo realizado. transmitido no YouTube, e existem outras maneiras de assistir.

Imagem do anúncio por Formula E

Fonte: Ars Technica