Prefeitura de Curitiba tem dois concursos autorizados com inicial de até R$ 22 mil!

37


Concurseiros curitibanos podem comemorar! A Prefeitura Municipal de Curitiba acaba de receber autorização para realizar dois concursos públicos que, juntos, ofertarão mais de 111 vagas. As oportunidades serão distribuídas entre cargos de níveis médio e superior com iniciais de até R$ 22 mil.

O Concurso Prefeitura de Curitiba, uma das seleções autorizadas, trará 111 vagas para provimento em 15 cargos distintos. Receberão novos reforços as carreiras de:

  • Agente Administrativo
  • Analista de Desenvolvimento Organizacional
  • Arquiteto
  • Auditor Fiscal de Tributos Municipais
  • Engenheiro – Civil, Eletricista, Sanitarista, Segurança de Trabalho
  • Fiscal
  • Fiscal de Obras e Posturas
  • Nutricionista
  • Professorde Educação Infantil
  • Profissional do Magistério – Docência II
  • Procurador
  • Técnico Agrícola

As carreiras exigem formação de níveis médio e superior a depender da função assumida. As remunerações iniciais, por sua vez, serão confirmadas mediante o lançamento do edital.

Outro certame autorizado na cidade foi o Concurso ISS Curitiba. Nele, serão disponibilizadas oportunidades para auditor fiscal em quantitativo, ainda, a definir.

O que se sabe é que o cargo exige graduação nas áreas de Ciências Econômicas, Administração, Ciências Contábeis, Tecnólogo (Gestão Pública, Tributária ou Financeira) e Direito, além de registro nos respectivos conselhos regionais do estado.

A remuneração inicial prevista é de R$ 8.619,01, podendo chegar a R$ 22.657,74 conforme o último edital. Assim como no certame para a prefeitura, este tem editse previsto para este ano.

Último concurso

O último concurso realizado para Auditor do ISS Curitiba foi lançado em 2011. Sob a organização da Associação Paranaense de Cultura (APC), foram disponibilizadas dez vagas.

Os candidatos passaram por prova objetiva, avaliação psicológica e exame médico admissional. Os requisitos para investidura incluíam graduação em áreas específicas, além de registro nos conselhos ou ordem de classe.

A prova objetiva foi composta por 40 questões que deveriam ser solucionadas em três horas.  Entre os conteúdos abrangidos, estavam Direito (Administrativo, Civil, Constitucional e Tributário), Contabilidade Geral, Legislação Tributária, Leis e Decretos constantes no edital.

Fonte: Edital Concursos Brasil

Autor: Luciana Gomides

Facebook Comments