Reforma da Previdência: Comissão especial discute mudanças no BPC

70


O Governo estima que a mudança gerará uma economia de R$ 152 bi em dez anos

Marcelo Camargo/Agência BrasilO BPC oferece um salário-mínimo para pessoas com deficiência de qualquer idade ou acima de 65 anos

Os deputados da Comissão Especial que analisa a reforma da Previdência discutiram mudanças no Benefício de Prestação Continuada.

O BPC oferece um salário-mínimo para pessoas com deficiência de qualquer idade ou acima de 65 anos, e renda familiar mensal de até um quarto de salário-mínimo por pessoa.

O PSDB, do deputado Beto Ferreira, já fechou questão contra a mudança.

O assessor especial da Presidência da República, Arthur Weintraub, considerou a alteração justa; já a pesquisadora Luciana de Barros Jaccoud, do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), discordou.

O Governo estima que a mudança gerará uma economia de R$ 152 bilhões em dez anos.

*Informações do repórter Marcelo Mattos



Fonte: Jovem Pan

Autor: Jovem Pan

Facebook Comments