Tesla está fazendo recall de mais de 475.000 veículos Modelo 3 e Modelo S

17

Tesla Model 3

Jonathan Gitlin

A Tesla está fazendo recall de mais de 475.000 de seus veículos por causa de alguns problemas de segurança. De acordo com a National Highway Traffic Safety Administration, 356.309 Tesla Model 3s cobrindo os anos modelo 2017-2020 estão sendo retirados devido a problemas com as câmeras retrovisoras. O modelo S 2017-2020 é o outro alvo com 119.009 desses BEVs devido a um problema com a trava do capô dianteiro.

Para o Modelo 3, a NHTSA diz que o problema vem de um chicote de cabos para a câmera retrovisora, que “pode ser danificada pela abertura e fechamento da tampa do porta-malas, impedindo a exibição da imagem da câmera retrovisora”.

No Modelo S, problemas com a trava do capô dianteiro podem fazer com que o "frunk" abra enquanto o veículo está em movimento e sem aviso, o que obstruiria a visibilidade do motorista, aumentando o risco de um acidente. "

Esta é a segunda ação relacionada à Tesla realizada este mês pela NHTSA. Pouco antes do Natal, a organização disse que era investigando Tesla através de um atualização de software que permitia aos passageiros da primeira fila jogar no display central enquanto o carro estava sendo dirigido. A Tesla respondeu rapidamente prometendo outra atualização de software que bloquearia seu recurso Passenger Play quando o carro estivesse em movimento. Outros recalls de Tesla de 2021 cobertos monitores de infoentretenimento em tijolo e um bug de software em seu Beta totalmente autônomo.

Os proprietários dos veículos afetados receberão cartas de notificação até o final de fevereiro, de acordo com a NHTSA.

Fonte: Ars Technica